Andre Lazaroni

domingo, fevereiro 27, 2011



Parabéns à cultura e ao querido município de Nova Iguaçu! A Escola Livre de Cinema (ELC) retomou, ontem (26/2), as atividades, para a alegria de tanta gente! A escola está de fôlego renovado, graças ao patrocínio da Petrobras, com recursos da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Foram promovidas, no sábado, várias atividades na reabertura, como uma oficina sobre animação, com a designer gráfica Paula Ordonhes; exibição de filmes produzidos pelas turmas da escola; e uma instalação de 40 autorretratos feitos pelos alunos em 2010.

Vamos à história. Há quase cinco anos, o município de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, ganhava a Escola Livre de Cinema, iniciativa inédita numa região de periferia, carente de salas de exibição, plateias e de atividades culturais como um todo.

A origem da escola está no projeto Reperiferia, desenvolvido pela organização não governamental (ONG) Avenida Brasil – Instituto de Criatividade Social, integrada por Marcos Vinícius Faustini, Anderson Barnabé, Alexandre Damasceno e Cristiane Brás.

Afirmou, ontem, Anderson Barnabé, coordenador artístico da ELC, à Agência Brasil: “a nossa ideia era possibilitar que crianças e jovens da periferia tivessem acesso à linguagem audiovisual, que hoje domina a comunicação no mundo, está presente no celular, na internet, e, a partir daí, passassem a falar deles mesmos e do território onde vivem”.

Sem dúvida, a ação renovada dos criadores da Escola Livre de Cinema de Nova Iguaçu haverá de cumprir a meta de seus criadores, que é a de promover a inclusão social por meio da cultura, com base na crença no poder transformador da linguagem audiovisual no mundo de hoje.

publicado por André Lazaroni em 27.2.11



0 Comments:

Postar um comentário



Links to this post:

Criar um link

<< Voltar


Sobre este Blog
Blog do Deputado Estadual. Opine, vamos fazer o meio ambiente ser preservado
 
 
Últimos Posts
Arquivos
 
Amazônia Azul

faça o download do PDF



Powered by Blogger