Andre Lazaroni

quinta-feira, abril 28, 2011



Vejam o que garantem fabricantes, lojistas e milhares de mamães: as fraldas de pano estão de volta e... com modelos bem criativos. Mais importante: elas são corretas do ponto de vista ambiental. Para trazer até vocês esta novidade tão própria de bebês e suas mães (além de avós carinhosas) fui buscar matérias da Revista e Blog Amazônia e do Real e Jornal Blog.

Vamos à novidade criativa que traz de volta essa peça que estava em desuso, principalmente nas famílias de classe média. Informam os jornais eletrônicos:

Usar fraldas de pano pode parecer coisa do passado. A praticidade oferecida pelas fraldas descartáveis fez com que as mães atuais esquecessem de vez todo o trabalho que as avós tinham ao usar os modelos antigos. Fato é que as fraldas de pano são ecologicamente corretas e com o passar do tempo também evoluíram em sua eficiência e facilidade de uso.

Como um dos principais vilões do meio ambiente, as fraldas descartáveis chegam a demorar 600 anos para se decompor e formam o terceiro item mais encontrado nos lixões.

Segundo informações divulgadas no portal Meu mundo sustentável, cada bebê gasta em média 124 fraldas descartáveis por mês, durante os dois primeiros anos de vida a quantidade total pode chegar a ser de cinco mil fraldas.

Em contrapartida, as fraldas de pano são menos agressivas ao meio ambiente e ainda mais econômicas para o bolso de qualquer família. Durante os dois primeiros anos da vida do bebê, período em que o uso de fraldas é mais intenso, o uso dos itens ecológicos significa uma economia de R$ 2.300.

Ao contrário das descartáveis, as fraldas de pano demoram apenas um ano para se decompor, e não levam em sua composição petróleo ou celulose, que é obtida através do corte de árvores.

Mesmo parecendo coisa do passado, as fraldas de pano evoluíram e ficaram mais práticas, bonitas e cada vez mais confortáveis para os próprios bebês. São justamente eles os maiores beneficiados, já que o pano não causa alergias ou irritações e impede que a pele do bebê entre em contato direto com produtos químicos.

A lavagem é a parte mais temida pelas mães ao usarem uma fralda de pano. No entanto, não se trata de um trabalho de outro mundo. O processo é simples e apenas a lavagem das fraldas sujas com cocô precisa de um cuidado maior.

Neste caso, é necessário retirar os resíduos antes de deixar a fralda de molho. Feito isso, basta esfregar com sabão de côco ou deixá-la para quarar no sol.

Elas não precisam ser lavadas à mão e podem ser colocadas na máquina juntamente com as fraldas sujas de xixi. O ideal é que em cada lavagem sejam colocadas juntas até 24 fraldas, para que a limpeza seja efetiva.

Como forma de minimizar ainda mais o impacto da ação no meio ambiente, o indicado é que sejam usados sabão de cocô ou biodegradáveis.

O vinagre ou o suco puro de limão podem ser usados como anti-séptico, porém não devem ser adicionados no mesmo momento em que o sabão, para que cada elemento possa cumprir com efetividade suas determinadas funções.

Texto postado por Valéria Valle no Real e Jornal Blog acrescenta: as fraldas de pano também de modernizaram e estão sendo chamadas de fraldas ecológicas. Elas ganharam um novo design e já vem no formato certinho, com pequenos botões, absorvente interno e estampas bem simpáticas.

Além da economia, pois as fraldas de pano duram muito, o meio ambiente também agradece. Estima-se que uma criança utilize cerca de 5000 fraldas descartáveis até os 2 anos de idade. E o tempo de decomposição das mesmas gira em torno de 450 anos!

Mas deve-se pensar na quantidade de água e produtos químicos utilizados em suas lavagens. O ideal é utilizar a própria água do banho de bebê para deixá-las de molho.

Para mamães de primeira viagem ou para aquelas que nem se imaginam lavando uma fralda de pano, o ideal é começar com uma ou duas unidades, intercalando com as fraldas descartáveis.

publicado por André Lazaroni em 28.4.11



0 Comments:

Postar um comentário



Links to this post:

Criar um link

<< Voltar


Sobre este Blog
Blog do Deputado Estadual. Opine, vamos fazer o meio ambiente ser preservado
 
 
Últimos Posts
Arquivos
 
Amazônia Azul

faça o download do PDF



Powered by Blogger